quinta-feira, 31 de março de 2016

Moro não pediu desculpas, ele apenas informou o STF com a educação de um grande Juiz


Alguns antas andam dizendo que Moro pediu desculpas ao STF por liberar o sigilo das interceptações telefônicas que deixaram Lula e outros que falaram com ele, incluindo Dilma, no mato sem cachorro.
Ou seja, querem desqualificar o Juiz da Lava Jato, herói nacional no cumprimento do seu dever, forçando a barra e tentando passar a imagem de 'fraqueza', como se ele devesse alguma coisa por trabalhar certo e legalmente contra os ladrões da República. #Absurdo isso!
Moro pediu desculpas coisa nenhuma!
No documento, para quem sabe ler, lê atentamente e consegue interpretar as coisas pelo viés Realista e não distorcido, está mais do que claro que Moro apenas informou ao STF, que é o órgão máximo da Justiça Brasileira, ao qual por hierarquia Moro responde como Juiz Federal de 1ª Instância.
E Moro o fez com a Educação e a Grandeza de um Juiz de Verdade, Juiz com 'J' maiúsculo.
Na prática, Moro apenas disse, em suas palavras, ao STF, 'que com todo o respeito e escusas, o trabalho seguiu rigorosamente todos os trâmites, dentro das leis'. Ponto. Não tem essa de 'mea-culpa', de 'pedir desculpas'. Qualquer outra especulação sobre esse fato é coisa ou de burro ou de traíra da Pátria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário