quarta-feira, 16 de março de 2016

Lula consegue terceiro mandato, com ou sem ministério

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu se tornar ministro da presidente Dilma na última quinta-feira, quando começou a esquadrinhar o novo Governo.

Chamou a São Paulo para conversar o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, e se inteirou das ações na política econômica. Neste ao, elevou Dilma a rainha da Inglaterra.
A partir de agora, com ou sem ministério para tocar, ele passou a mandar no País. Deslegitimou o mandato da apadrinhada, e é com Lula quem os aliados – e até adversários – vão querer dialogar.
Somado a isso, Lula convocou os líderes do MST e das principais centrais sindicais e pediu uma trégua nas ruas e nas estradas. Para os aliados dos movimentos sociais, foi sinal de que Lula voltaria a mandar no País, batendo ponto no Palácio do Planalto.
Se Lula assumir a Secretaria de Governo do Planalto, não há certeza de que Barbosa fique na Fazenda. O sonho de Lula é trazer de volta Henrique Meirelles, se ele aceitar. Só Meirelles dá confiança ao mercado internacional.
Uma vez no cargo, a missão do ex-presidente será reunificar a base no Congresso, para segurar a governabilidade até 2018. (Blog Coluna Esplanada)

Nenhum comentário:

Postar um comentário