segunda-feira, 20 de julho de 2015

Renan corre menos risco do que Cunha

Ao contrário de Eduardo Cunha, que deve ser denunciado pela Procuradoria-Geral da República nas próximas semanas, Renan Calheiros, embora investigado, não corre o mesmo risco, dz Mônica Bergamo. hoje na Folha de S.Paulo.
Segundo a colunista, de acordo com autoridade familiarizada com as investigações do braço político da Lava Jato, o inquérito sobre Renan nem de longe é encorpado e tem as evidências que pesariam contra Cunha e contra outros senadores como Fernando Collor.
AJUSTE CÍVICO
Informa ainda a Mônica que a Presidência da República baixou em R$ 119 mil -de R$ 2,2 milhões em 2014 para R$ 2,1 milhões neste ano- a previsão de gastos com a contratação de uma empresa para organizar as comemorações da Semana da Pátria e do desfile de Sete de Setembro em Brasília. A vencedora da licitação deverá instalar estruturas como palanques e arquibancadas, além de grades de segurança e banheiros. O governo espera um público de 30 mil pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário