quinta-feira, 23 de abril de 2015

ROBERTO ASFORA É CONDENADO A TRÊS ANOS DE RECLUSÃO POR FALSIDADE IDEOLÓGICA


O ex-prefeito de Brejo da Madre de Deus, Roberto Asfora (PSDB), foi condenado na tarde desta quinta-feira (23), pela 5ª Região do Tribunal Regional Federal (TRF), a três anos de reclusão e cem dias multas, por falsidade ideológica (art. 299) – Crimes contra a Fé Pública - Penal.


O processo já vinha tramitando na justiça desde Fevereiro de 2013, tendo como relator o Desembargador Federal Geraldo Apoliano. A condenação foi aprovada por unanimidade pelo colegiado e o número do processo é 00071113920104058300 – Justiça Federal.



Roberto Asfora é acusado de declaração falsa em documentos particular, com base nas provas em desfavor do ex-prefeito a Justiça Federal optou pela condenação do político que fica inelegível por se enquadrar na Lei do Ficha Limpa.



Asfora poderá recorrer ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ).



Do: Blog Agreste Notícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário