sexta-feira, 17 de abril de 2015

Justiça suspende eleição que deu quinto mandato a Guilherme Uchoa na ALEPE

Imagem: Edson Arruda
Uma informação para sacudir a política de Pernambuco. A 2ª Vara da Fazenda Pública de Pernambuco julgou a ação da OAB contra o quinto mandato do presidente da Alepe deputado Guilherme Uchoa procedente.

Com isso, a eleição do último dia 1 de fevereiro foi suspensa. Como é em primeira instância ainda cabe recurso do presidente da Casa Joaquim Nabuco. Confira um trecho da liminar:

Defiro o pedido liminar no sentido de suspender a eficácia do resultado da eleição para a Mesa Diretora da Alepe para a 18ª Legislatura em desfavor do segundo e terceiro réus. Fixo, desde já, multa diária no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais), para o caso de descumprimento. Oficie-se para cumprimento. Intimem-se. Após o decurso do prazo recursal, vista ao Ministério Público. Cumpra-se.

Recife, 16 de abril de 2015.
Mariza Silva Borges Juíza de Direito em exercício

Nenhum comentário:

Postar um comentário