terça-feira, 24 de março de 2015

Aposentados: Temer foi a Aécio

O vice-presidente Michel Temer procurou o presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), para pedir que a oposição vote contra o projeto que estende a aposentados a política de reajuste do salário mínimo. O governo só pretendia discutir o assunto após a Semana Santa, mas foi informado por líderes da Câmara que são pequenas as chances de adiar a votação.

Aécio mostrou disposição de convencer a bancada tucana na Câmara a derrubar a equiparação, mas disse que só fará qualquer gesto depois que o PT se comprometer publicamente a votar contra a medida.
A iniciativa de intensificar o acerto com a oposição desse ponto e das medidas provisórias do ajuste fiscal foi tomada na reunião do conselho político ampliado da presidente Dilma, nesta segunda-feira.
Joaquim Levy (Fazenda) se reuniu com parte da bancada do DEM há cerca de uma semana para defender as medidas. Ouviu que o partido não apoiará aumento de impostos e que espera que o PT saia em defesa do ajuste primeiro.  (Vera Magalhães – Folha de S.Paulo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário