domingo, 23 de novembro de 2014

Professor: 'É difícil saber qual o maior escândalo'

Cientista político e professor da Universidade de
São Paulo, José Álvaro Moisés.
Em meio às últimas denúncias de desvio de verbas na Petrobras, investigadas pela Operação Lava Jato da Polícia Federal, o doutor em Ciência Política e professor da Universidade de São Paulo José Álvaro Moisés defende que é preciso cautela ao comparar diferentes casos de corrupção.

“Impressionisticamente, as pessoas dizem que é o maior escândalo do país. Diziam isso na época do mensalão e agora está se dizendo isso na Lava Jato. Agora, eu não sei dizer”, reconhece Moisés. “Nós não sabemos, porque pode ter havido, em outras épocas da vida do país, outros fenômenos maiores de corrupção e nós não estamos devidamente informados.”
O cientista político também apresenta ressalvas quanto ao discurso petista de que um fortalecimento da autonomia dos órgãos de investigação nos últimos anos teria possibilitado a vinda à tona desses casos. “A mídia deveria (…) pegar as coisas que a Dilma falou que não foram investigadas – como a Pasta Rosa, Sivam, reeleição – e ir atrás para saber o que aconteceu”, recomenda. Leia  aqui os principais trechos da conversa.(Do Blog Poder Online - Clarissa Oliveira - Portal IG)

Nenhum comentário:

Postar um comentário