quinta-feira, 27 de novembro de 2014

No 1º de janeiro, casa cheia: Dilma quer todo mundo lá

O Palácio do Planalto pediu empenho ao Itamaraty para que um número grande de chefes de estado venha para a posse de Dilma Rousseff.


Entre os países vizinhos, a vinda dos presidentes é mais provável, até por ser tradição na região.
Difícil será atrair algum governante de outro continente, principalmente considerando que se trata de uma reeleição – e mais ainda por se tratar do inglório dia 1º de janeiro, feriado mundial.

A propósito, Dilma convidou Joe Biden por telefone, quando ele ligou no começo do mês para parabenizá-la pela vitória.(Lauro Jardim - Veja Online)

Nenhum comentário:

Postar um comentário