segunda-feira, 10 de novembro de 2014

EUA investigam Petrobras, diz Financial Times


 O Departamento de Justiça Americano abriu uma investigação criminal sobre a Petrobras para identificar se houve pagamento de propina para funcionários da empresa, segundo o jornal 'Financial Times'.  A SEC (Securities Exchange Commission, órgão regulador do mercado de capitais americano) também está investigando, de acordo com o jornal. 

As autoridades americanas querem saber se a Petrobras ou algum de seus empregados, intermediários ou contratados, violaram a FCPA (Foreign Corrupt Practices Act), lei americana de combate à corrupção praticada no exterior por empresas americanas ou que negociam ações nas bolsas de valores dos Estados Unidos. A petrolífera negocia títulos na NYSE (Bolsa de Nova York).  A lei torna ilegal subornar oficiais estrangeiros para ganhar ou reter negócios. 

O Departamento de Justiça e a SEC não quiseram comentar, segundo o jornal. A Petrobras não respondeu. 

No Brasil, a empresa é alvo de denúncias sobre um suposto esquema de corrupção, feitas pelo ex-diretor Paulo Roberto Costa e o doleiro Alberto Yousseff, nas investigações decorrentes da Operação Lava Jato. A estatal está sendo investigada pela Polícia Federal e é tema de duas CPIs (Comissão Parlamentar de Inquérito).

Nenhum comentário:

Postar um comentário